Quarta-feira, 28 de junho de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Prendedores

Por Kátia A. Kühn Chedid *


Brincando de fixar os prendedores coloridos a faixas de cor correspondente, os pequenos desenvolvem a coordenação motora fina, a atenção, a concentração e a discriminação visual

material

- prendedores de roupa;

- tinta ou fita adesiva colorida;

- pote de margarina.

como fazer

Pinte os prendedores ou forre-os com a fita adesiva colorida.





No pote de margarina, faça listas com a tinta ou a fita adesiva nas cores correspondentes a cada prendedor.





Retire todos os prendedores e sugira a seus alunos prendê-los nas respectivas faixas.


Você pode fazer seqüências de cores para que eles completem com os prendedores coloridos.




* Kátia A. Kühn Chedid é Psicopedagoga / Pedagoga PUC-SP, Diretora do Colégio Visconde de Porto Seguro / Extensão em Neuropsicologia PUC-SP
http://www.katiachedid.com.br/
Ilustrações Kátia Chedid


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
Desemprego, Mantenha a calma 03/09/2001 às 15:15:00

O medo é geral: perder o emprego traz ansiedade e insegurança para a família. Descubra como enfrentar a situação sem tanto sofrimento.

   
Arte à Primeira Vista: Páginas de uma história 19/09/2014 às 16:34:58

Se você mora em Belo Horizonte ou vai passar por lá nas próximas semanas, não pode deixar de conferir a mostra de arte contemporânea que vai encantar as crianças e os adultos.

   
Ensinando a pensar 13/08/2001 às 14:58:00

O que é mais importante em uma escola: matérias e conteúdo ou que o aluno aprenda a pensar?

   
Bilhetes e bilhetinhos... 06/09/2001 às 14:20:00

Na semana passada o seu filho trouxe da escola um bilhete da professora com uma anotação sobre o comportamento inadequado na sala de aula. Hoje chegou outro dando ciência da falta de uma lição. E você, como se sente?

   
Solidários desde a infância 05/04/2001 às 16:29:00

Você sai de carro com seu filho. Ao aproximar-se de um sinal, uma criança se aproxima da janela e, rapidamente, você fecha os vidros. Seu filhote fica supreso, parece não entender o que se passa. Como falar de nossos medos? Como explicar o inexplicável?