Quinta-feira, 21 de setembro de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

O prazer da leitura

Por Maria Isabel Roux Azevedo e Maria Cecília Orlandi Cangi *


Todo mundo sabe: estimular nossos filhos à leitura nem sempre é uma tarefa simples. Qual o tipo de livro indicado para seu filhote que tem apenas três anos? Procure despertar a curiosidade dele, contando histórias fáceis e atraentes.

A criança começa a se interessar pela leitura desde cedo, com cerca de três anos. Já nessa idade, quando ainda não sabe ler, é interessante que seu filhote tenha um material gostoso de manusear, colorido, até mesmo barulhento. Ou que possa ficar molhado! Nessa fase, tudo é uma grande brincadeira. Isso vai despertá-lo para o universo dos livros, que irá se modificando de acordo com o seu crescimento. Saiba no entanto, que importante mesmo é estar em contato com boas histórias.


Como ainda ele não sabe ler, é imprescindível que haja alguém mediando o processo. Prefira as narrativas claras, com as quais as crianças possam se identificar, como os contos de fadas. Muitas vezes elas querem ouvir as mesmas histórias várias vezes. Elas se sentem seguras por já conhecerem a trama, identificam-se com os diferentes personagens e vivem essas situações. Num momento são fadas, em outro são princesas, anões, etc. A escolha do conto e a linguagem adequada são fatores para os quais os pais devem estar atentos. Além de, é claro, se mostrarem dispostos a curtir esse momento.


Procure entrar em contato com versões diferentes das histórias, especialmente as foram temas de filmes e, portanto, modificadas. No cinema, o entendimento acontece muito mais pelo aspecto visual.

O admirável mundo das letrinhas

Com o início da alfabetização a criança passa a se interessar realmente pela leitura. Por isso, a sua escolha ganha uma nova dimensão: no início, procure livros com pouco texto e com o tipo de letra com a qual seu filho tenha intimidade. É importante que ele consiga chegar até o final, mesmo que isso demande muito tempo.
Para que o hábito da leitura se mantenha sempre vivo, incentive a criança a procurar outros livros e a ler por conta própria. Peça a ela, também, que leia para você ou para um irmão menor. Ele se sentirá valorizada no seu processo de aprendizagem. E tenha sempre em mente de que as crianças imitam os hábitos dos pais. Que "tropecem" em livros pela casa, que possam perceber que eles já foram lidos e manuseados!



* Maria Isabel Roux Azevedo e Maria Cecília Orlandi Cangi Maria Isabel Roux Azevedo é psicóloga formada pela USP com especialização em psicopedagogia. Atua há 10 anos no Ensino Fundamental I.


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
Histórias da Arte para crianças 08/11/2012 às 18:49:50

Não tem jeito melhor de conhecer a vida e a obra de artistas contemporâneos brasileiros! Não deixe de levar seu filho!

   
Milho, o rei dos cereais. E da garotada! 15/09/2003 às 20:36:00

O milho faz um enorme sucesso entre as crianças e, além de saboroso, é muito nutritivo. Aprenda a fazer doces e salgados deliciosos com esse cereal. As receitas são da turma do Sitio do Picapau Amarelo!

   
Viajando com as crianças 06/06/2001 às 16:39:00

Viajar com crianças não é uma tarefa fácil. Ao contrário, é um desafio! Mas se você se preparar para tal missão, verá que horas na estrada, com a família toda fechada num carro, podem passar bem rapidinho.

   
Um Natal cheio de livros 14/12/2000 às 16:59:00

Você está procurando um presente que seja sucesso garantido? Então dê uma olhada nessa seleção de livros. Aqui você vai encontrar histórias saborosas, engraçadas e muito bem escritas. Abra as portas do mundo da fantasia para as crianças!

   
Escolha os presentes de Natal aqui! 01/12/2005 às 18:54:00

Chega de dúvida! Aproveite nossas sugestões de livros para o papai, para a mamãe, para o vovô, para a vovó, para os jovens e para a criançada.