Sábado, 29 de abril de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Truques para passar no vestibular

Por Julienne Gananian *


Nada de decorebas, fórmulas ou segredos. Na hora de encarar o vestibular o principal é se organizar e manter a calma.

A maioria das pessoas acredita que para entrar em uma boa faculdade o aluno precisa ser um gênio ou então freqüentar os melhores cursos pré-vestibulares. Lógico que isso ajuda, mas o sucesso resultará da forma como o jovem se aplicou e se organizou. De nada adianta os pais pagarem um supercursinho, se o adolescente resolver trocar as aulas por divertidas sessões com os amigos nos bares e lanchonetes das redondezas.

Essa atitude normalmente atordoa a cabeça dos pais, que gastam seu tempo, seu dinheiro e muitas vezes percebem - no final - que todo o esforço foi em vão. "Tudo depende da maturidade de cada jovem. Alguns são absolutamente desligados, não adianta dar dicas ou insistir, pois eles não conseguem se concentrar nas aulas. Talvez porque eles ainda não estejam preparados emocionalmente para buscar este objetivo, o de entrar em uma faculdade" explica Lucila Camargo, orientadora vocacional em São Paulo.

Planejar e... estudar!

A escolha de uma carreira também traz dificuldades para o estudante já que, na maioria das vezes, envolve medos, desejos, inseguranças e opiniões da família e dos amigos. Neste momento, não adianta pressionar ou criticar. Ele precisa de tempo para pensar, conhecer a profissão e escolher aquilo que lhe agrada.

Tomada esta decisão, se ele realmente quiser entrar na faculdade de seus sonhos, precisa se planejar. Isso envolve dedicação e elaboração de uma verdadeira "tática de guerra": organizar horários, livros, aulas e tudo que for necessário para atingir sua meta final. "Se o estudante realmente desejar passar no vestibular e se preparar para tanto, terá grandes chances de vencer. O compromisso maior não deve ser com os pais ou com elementos exteriores. A minha sugestão é a ajudar o filho a comprometer-se consigo mesmo" enfatiza Lucila Camargo.

Portanto, não adianta os adultos encherem o jovem de conselhos, comparações com os irmãos ou cobranças. Isso, na verdade, acaba por desmotivá-lo. Em compensação, ser radical e fazer o oposto também não ajuda. Se os pais resolverem não abrir a boca durante todo esse período, o filho se sentirá abandonado e ainda mais inseguro. Como tudo na vida, este momento também necessita de muito equilíbrio racional e emocional, de ambas as partes.

Não deixe a ansiedade dominar!

Conforme os dias de vestibular se aproximam, os sinais de ansiedade parecem se intensificar. Uns ficam muito agitados e irritados, enquanto outros vivem no mundo da lua, mas por dentro podem estar bem nervosos também. Ou se calam, fechando-se em seu mundinho particular para não precisar dar satisfações.


"Importante é observar o filho, sentir se há prazer ou desprazer nas suas reações. E, na véspera do vestibular os jovens precisam realizar atividades que lhes tragam conforto emocional e sejam compatíveis com o momento. Se resolverem viajar para a praia, por exemplo, e voltar no dia da prova, claro que os pais devem ponderar contra esse desejo" explica a orientadora. Em contrapartida, para relaxar vale tudo: técnicas de meditação ou yôga, praticar o esporte favorito, namorar ou assistir a um bom filme. Se ele estiver motivado e se sentindo amado seja qual for o resultado das provas, seu filho, melhor do que ninguém, saberá escolher um programa saudável!


Na hora de conferir o gabarito ou a lista dos aprovados vale o mesmo. Permita que ele expresse de que forma se sente melhor e respeite, para aliviar um pouco do estresse e tensão típicos destes momentos. Assim, você contribuirá para que seu garotão reforce a própria auto-estima e aproveite esta fase para se conhecer melhor e amadurecer. De resto basta torcer e esperar que o melhor aconteça. Boa sorte!


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
O jovem e as finanças 14/02/2002 às 16:17:00

Tão importante quanto uma educação formal na escola é o preparo do jovem para enfrentar o mundo com um sólido conhecimento a respeito de dinheiro.

   
O valor do ENEM para seu filho 28/02/2002 às 13:17:00

Descubra quais os objetivos do ENEM e aproveite este momento para incentivar o seu filho a conquistar maior responsabilidade.

   
Eu só quero que meu filho seja feliz 23/08/2001 às 15:03:00

Cuidado! Esta simples frase, dita com a melhor das intenções, pode pesar como uma tonelada sobre os ombros do jovem que chega à idade de escolher uma profissão, um curso universitário e precisa vencer o fantasma do vestibular.

   
Avaliação escolar na justa medida 09/03/2001 às 15:02:00

Há pais que abrem o boletim do filho como se estivessem com uma carta bomba nas mãos. É o seu caso? Relaxe. Notas nem sempre mostram o potencial da criança. Veja aqui como conviver com a avaliação escolar sem estresse.