Sábado, 23 de setembro de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Assadura, problema de todos

Por Dr. Leonardo Posternak * em 16/02/2001


"Já fiz de tudo. Comprei diversas marcas de fralda, passei talco, pomada, óleo, mas as assaduras insistem em maltratar a pele de meu bebê", queixa-se Fernanda Arruda, de São Paulo. Você e muitas mães tentaram, sem sucesso, mil recursos para livrar seu fil



A assadura é o resultado de vários fatores: a acidez da urina, a umidade e a fragilidade da pele do recém-nascido. Quando seu filho faz xixi, uma substância chamada amônia é liberada e, por ser muito ácida, irrita os órgãos genitais e o bumbum. Isso é conhecido como dermatite amoniacal.

Como prevenção, é recomendável espalhar uma substância oleosa no bumbum do bebê. Uma camada nas partes mais afetadas irá criar uma superfície impermeável, capaz de não deixar a urina em contato com a pele. As fraldas descartáveis também protegem. Mas cuidado! Algumas crianças podem ter alergia ao material gelatinoso que faça parte da composição do produto. A qualquer sinal de prurido, vermelhidão, bolinhas, peça auxílio ao pediatra.

O xixi não é o único culpado!

Outro tipo de assadura é a dermatite por fungos, chamada de candidíase ou monilíase. Ela é provocada pela cândida albicas, popularmente chamada de sapinho. O recém-nascido é mais sensível à infeção por esse fungo porque o seu organismo ainda não consegue se defender. As manifestações ocorrem de duas formas: ou a criança apresenta manchas brancas na boca, gengiva e bochecha, ou assaduras.


Quando o bebê tem sapinho, ele engole o fungo junto com o leite enquanto mama. Ao eliminar as fezes ou fazer xixi, a candida é eliminada provocando irritações. Visualmente é diferente da dermatite amoniacal, mas só o pediatra consegue identificar o problema. No entanto, se seu filho tiver pequenos pontinhos esbranquiçados na boca e depois começar a apresentar lesões na pele, é provável que seja uma dermatite por fungos. O tratamento é feito com pomadas no local afetado e medicação oral.


A candida se desenvolve em meio úmido e ácido. Portanto o seio é um lugar perfeito para ela se hospedar, já que o leite é ácido e o local não fica seco. No adulto, ela é apenas um parasita que não provoca nenhum mal. Para prevenir, limpe o bico do peito com água e bicarbonato de sódio depois de amamentar. Essa substância é alcalina e acaba com a acidez do meio.


* Dr. Leonardo Posternak é médico pediatra,
membro do Departamento de Pediatria do Hospital Israelita Albert Einstein.
Co-autor do livro
E Agora, o que Fazer? A Difícil Arte de Criar os Filhos
, Editora Best Seller.
Autor de
O Direito a Verdade - Cartas Para Uma Criança
, Editora Globo.


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
Problemas todos temos 11/07/2002 às 14:11:00

Dificuldades em casa: ansiedade, medo, vergonha de partilhar? Quando e por que abrir o jogo na escola?

   
Dicas para proteger seus filhos 26/03/2003 às 13:21:00

Principalmente as grandes cidades oferecem uma série de riscos para nossos filhos. Veja aqui dicas para protegê-los contra alguns problemas, como assalto e seqüestro.

   
Abuso sexual contra crianças 14/08/2004 às 14:27:00

Na grande maioria dos casos de abuso sexual contra crianças, o agressor é um parente ou conhecido da família. O que fazer para evitar essa ameaça que parece tão próxima?

   
Paz em casa 31/07/2002 às 13:46:00

Dicas preciosas da revista Meu Nenê e Família

   
Crianças especiais 05/11/2003 às 13:40:00

Classes regulares aceitando alunos com necessidades especiais já são realidade em algumas escolas. Naturalmente, como em toda reformulação, existem dúvidas dos pais. Será positiva a convivência entre crianças com diferenças mais acentuadas?