Segunda-feira, 22 de maio de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Nabuco

Por Léo Varella *


Nabucodonossor era um sobrevivente do fogo no mato.

Ele era um tatu bolinha.

Um bichinho com uma carapaça

E um monte de perninhas

Que perdeu a casa no mato também.


Mas o Nabuco tinha um defeito.

Este defeito. Pequeno para uns

E grande para outros. Era a falta de cabeça.


Ele não pensava muito e

Quando se sentia ameaçado ou

Com medo

Se enrolava todo em sua carapaça

E esperava a coisa passar.


Às vezes nem sabia o que era a coisa...

Teve sorte de sair do fogo no mato

Por causa de alguém (ele nem sabe quem)

Que o puxou todo enrolado para um abrigo

Quentinho e cheio de tênis.


Mas quando ele se abriu de novo.

Uma idéia veio na sua alma:

"Vou fazer o mesmo que fizeram

Por mim.

Para alguém.

Algum dia..."

Plantações!


Mas Joana, a joaninha, perdeu sua casa na queimada do mato.

Precisou entrar numa casa estranha,

Enorme e brilhante.

Era a casa da família:

Onde já habitavam o pai, a mãe, o filho, o Fru (o cachorrinho), a
Djubie (a pulga) e outros solitários que procuravam não ser sozinhos.


Joana era muito esperta.

Foi ela que viu como a mata havia sido incendiada.

Rapidamente, como um pensamento,

Ou uma manobra de skate,

Ela entrou num dos esconderijos da Djubie.


Encontrou uns tênis sem par

Mas pensou que poderia

Por ali ficar.


Ficou três dias... tranqüilamente&

Até que a Djubie foi procurar um par de tênis.

E se assustou:

- quem é você? - perguntou a pulga atônita.

- meu nome é Joana - respondeu a joaninha.

- você me deu um susto... está bem? - Djubie perguntou

- Estou - Joana respondeu

- Então tá - Djubie calçou o tênis e saiu pulando.


Foi nesta hora que a Joana passou a admirar as pulgas. Não as pulgas como espécie, mas a Djubie.

Nem sabia que se tornariam companheiras inseparáveis.


O Fru (o cachorrinho!)

Gostou dela. Uma florzinha!

Brincou com ela durante cinco horas,

O que é bastante tempo pra se brincar com

Uma pequena flor de ipê!


Quando o filho, com os tênis

Desamarrados, chamou o Fru para jogar bola.

Ele a deixou de lado

E ela se sentiu como se estivesse perdendo

Um amigo!


Mas a Djubie (a pulga) pulou,

Com a rapidez de um raio,

Do rabo do Fru e conduziu a

Sônia para um de seus esconderijos


Lá ela ficou calma.

Sabendo que sempre poderá contar com novos amigos.


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
Abuso sexual contra crianças 14/08/2004 às 14:27:00

Na grande maioria dos casos de abuso sexual contra crianças, o agressor é um parente ou conhecido da família. O que fazer para evitar essa ameaça que parece tão próxima?

   
Aumente a renda da sua família! 01/08/2003 às 21:47:00

Se você teve de abandonar a carreira para cuidar dos filhos ou está desempregada, saiba que existem muitas maneiras alternativas de ganhar dinheiro. Não é preciso nem sair de casa!

   
Paz em casa 31/07/2002 às 13:46:00

Dicas preciosas da revista Meu Nenê e Família

   
Crianças especiais 05/11/2003 às 13:40:00

Classes regulares aceitando alunos com necessidades especiais já são realidade em algumas escolas. Naturalmente, como em toda reformulação, existem dúvidas dos pais. Será positiva a convivência entre crianças com diferenças mais acentuadas?

   
Arte à Primeira Vista: Páginas de uma história 19/09/2014 às 16:34:58

Se você mora em Belo Horizonte ou vai passar por lá nas próximas semanas, não pode deixar de conferir a mostra de arte contemporânea que vai encantar as crianças e os adultos.