Domingo, 19 de novembro de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Atletinhas turbinados

Por Flavia Schwartzman *


Uma boa alimentação é fundamental para que todas as crianças e adolescentes cresçam e se desenvolvam adequadamente. Mas se seu filho pratica atividades físicas ou participa de competições, ele deve prestar ainda mais atenção ao que come.

Para a grande maioria dos esportistas, uma dieta saudável e variada, que esteja de acordo com a pirâmide de alimentos (leia o artigo Alimentação saudável), provavelmente já será suficiente para fornecer as calorias e todos os nutrientes de que precisam.


Para aqueles que praticam atividades físicas intensas, por um tempo prolongado ou com objetivos de competicão (competição de natação, corrida de longa distância, ou qualquer outro tipo de treinamento), será preciso uma maior quantidade de alimentos, pois as necessidades de calorias são maiores. Desta maneira, não haverá perda de peso nem comprometimento do crescimento.

Cada caso é um caso

A quantidade de calorias deverá ser estimada individualmente, de acordo com a idade, sexo, altura, peso, tipo e tempo de atividade despendidos por cada um. O aumento das calorias deve contemplar um consumo maior de todos os alimentos e não apenas de alimentos altamente calóricos (os que estão localizados no topo da pirâmide).


Jovens atletas, mais do que ninguém, devem comer regularmente, não pular refeições e nunca deixar de tomar o café da manhã. Os lanches também são fundamentais, pois ajudarão a fornecer as calorias e os nutrientes necessários. Muitas frutas e vegetais também são importantes, pois fornecem vitaminas e minerais.


Os carboidratos complexos devem formar a base de sua alimentação. Café da manhã e lanches devem incluir pães, biscoitos, torradas, cereais e frutas. Almoço e jantar devem sempre ter arroz, batata, mandioca, macarrão ou outros tipos de massas, além de alimentos dos demais grupos, como carnes, peixes, ovos ou queijos, legumes e vegetais.


A utilizacão de suplementos de vitaminas e minerais não é necessária na grande maioria dos casos. Todos os nutrientes devem vir da alimentacão. Eles só deverão usados, sob orientacão do pediatra ou nutricionista quando, por algum motivo, a alimentacão não for suficiente para suprir as necessidades nutricionais.

Pais sempre atentos

Os pais devem ficar permanentemente de olho na alimentação e na saúde de seus filhos esportistas e atletas. A boa alimentação nunca deve ser comprometida por pressões envolvendo a nutrição e o peso corporal. Às vezes, com o objetivo de ganhar "massa" ou perder peso, são tomadas algumas atitudes erradas e radicais.


Esta é, na verdade, uma boa oportunidade para mostrar aos jovens como ter uma alimentação saudável. Lembre-os de que apenas uma dieta saudável leva a uma boa performance e que, quando inadequada, pode levar à fadiga, baixa concentração e a uma performance indesejada.


Por isso, nada de regimes ou dietas malucas. Alimentos de todos os grupos da pirâmide devem ser consumidos, nas quantidades adequadas. Qualquer dúvida com relação à alimentação de seu filho deve ser esclarecida com o treinador ou o nutricionista responsável.


* Flavia Schwartzman é nutricionista, formada pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, com especialização em Nutrição Materno-Infantil, Mestre em Nutrição pela Escola Paulista de Medicina.


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
O grande reencontro 05/05/2009 às 19:04:00

Em uma grande homenagem ao Dia das Mães, o Clicfilhos conta a você a história de Assílio, que foi separado de sua mãe quando pequeno e, após 30 anos, conseguiu reencontrá-la por meio da Internet.

   
Caminhos para uma boa pesquisa 10/04/2002 às 15:29:00

Para que uma pesquisa renda bons frutos é preciso método, discernimento e foco no assunto. Ensine seu filho a descobrir tesouros numa biblioteca, real ou virtual!

   
Dicas para proteger seus filhos 26/03/2003 às 13:21:00

Principalmente as grandes cidades oferecem uma série de riscos para nossos filhos. Veja aqui dicas para protegê-los contra alguns problemas, como assalto e seqüestro.

   
Sem pressa para sair de casa 19/07/2003 às 10:49:00

Hoje em dia, é comum que filhos continuem morando com os pais, mesmo depois de adultos. É a chamada "geração canguru"!

   
Manual do ficar, especial para pais 17/06/2002 às 15:36:00

Para os pais que não viveram a onda do "ficar".