Quinta-feira, 22 de junho de 2017
Página inicial do clicfilhos.com.br
    

Hora de limpar os ouvidos

Por Luiza Helena Marcondes * em 18/06/2001


A limpeza dos ouvidos é uma tarefa delicada que exige alguns cuidados, especialmente para os recém-nascidos. Conheça a melhor forma fazer a higiene perfeita sem provocar lesões e nem prejudicar a audição de seu filho.

"Tome banho, escove os dentes e lave bem as orelhas". Todos os dias, a secretária Ana Paula Coltrin faz a mesma recomendação ao filho Lucas, de 5 anos, mas nem sempre ele atende às instruções. Resultado: depois da cada banho, Ana faz a inspeção e observa se o pequeno fez tudo direitinho.


"Às vezes faz sim", confirma a mãe, "principalmente antes de ir à natação". É lá que o menino corre o risco de encontrar a namoradinha, portanto ele faz questão de caprichar! Entretanto, nos outros dias, esse entusiasmo nem sempre aparece. Talvez por preguiça ou falta de motivação: "quando olho os ouvidos do Lucas, percebo que estão cheios de cera", reclama Ana, pronta a iniciar a "operação faxina".


Com o menino deitado em seu colo, ela pega o cotonete e inicia a higiene. Delicadamente, introduz o cotonete no ouvido do garoto, quantas vezes forem necessárias, até que desapareça qualquer vestígio de sujeira. Só nesse procedimento ela gasta cerca de sete minutos, até porque Lucas não pára quieto.

Retirar ou deixar? Cuide para não errar!

A cera, substância produzida pelo ouvido, é um importante agente de proteção e não deve ser totalmente retirada do ouvido. "Jamais use cotonete na remoção da cera, porque ele apenas a empurra para o interior da orelha e pode provocar lesões", diz a otorrinolaringologista Mônica Gondim Amatuzzi, de São Paulo.


Segundo a médica, a melhor forma de limpar os ouvidos é com a toalha, diariamente, logo após o banho. Com o dedo envolto no tecido, limpe a parte interna da orelha da criança - mesmo quando for bebê - fazendo pequenos movimentos circulares, como se estivesse enxugando o local. Assim a limpeza é realizada e sem perigo de ferir o tímpano, uma membrana interna do ouvido que é responsável pela nossa audição. Como a grossura do dedo é maior que o orifício da orelha, não há perigo de machucar lá dentro.


Com esse procedimento, você estará retirando apenas o excesso de cera. O restante continua lá, cumprindo a função de barreira protetora. Mesmo que a produção da substância seja muito grande, deixando a orelha cheia, resista à tentação de utilizar o cotonete. "Ele só deve ser usado para limpar as dobrinhas externas da orelha", afirma a especialista. Mas se mesmo assim você tiver dúvidas, procure um médico. Só ele poderá remover, com métodos e instrumentos adequados, a cera produzida acima do normal.


Comentário:    
       

Matérias relacionadas

   
Dicas para proteger seus filhos 26/03/2003 às 13:21:00

Principalmente as grandes cidades oferecem uma série de riscos para nossos filhos. Veja aqui dicas para protegê-los contra alguns problemas, como assalto e seqüestro.

   
Abuso sexual contra crianças 14/08/2004 às 14:27:00

Na grande maioria dos casos de abuso sexual contra crianças, o agressor é um parente ou conhecido da família. O que fazer para evitar essa ameaça que parece tão próxima?

   
Paz em casa 31/07/2002 às 13:46:00

Dicas preciosas da revista Meu Nenê e Família

   
Manual do ficar, especial para pais 17/06/2002 às 15:36:00

Para os pais que não viveram a onda do "ficar".

   
Crianças especiais 05/11/2003 às 13:40:00

Classes regulares aceitando alunos com necessidades especiais já são realidade em algumas escolas. Naturalmente, como em toda reformulação, existem dúvidas dos pais. Será positiva a convivência entre crianças com diferenças mais acentuadas?