Terça, 11 de agosto de 2020
Página inicial do clicfilhos.com.br

Fora Baixaria na TV



Saudações à todos!
O objetivo desta comunidade é o de protestar contra o acesso pelas crianças e adolescentes, à programação dos canais abertos da televisão brasileira que oferecem contéudo de gosto duvidoso, inapropriado e inadequado a milhões de lares por todo o país.

Gostaria de defender a criação de um orgão auto fiscalizador por parte das redes de comunicação (particularmente aquelas, as quais, trasmitem programas em canais abertos).

Defendo que, temas como utilização de linguagem vulgar (palavrões etc), violência , exploração de sexualidade, conteúdos maliciosos e de duplo sentido que carregam preconceito e generalização, sejam submetidos à uma prévia análise dos formadores de opinião quanto a adequação de se levar ao ar nos periodos onde adolescentes e crianças mais assistem TV.
Tal qual na propaganda brasileira, onde existe o Conselho de Auto Regulamentação Publicitária que impede propagandas ofensivas, enganosas e de gosto claramente duvidoso irem ao ar, defendo que há de existir um orgão semelhante que combata os maus produtos que assolam em geral a televisão.

Não se trata de censura e sim de estabelecer parâmetros para classificar programas de natureza visivelmente exploratória (o chamado "mundo cão"),para serm exibidos em horários em que os anunciantes tenham constragimento de associar suas marcas a estes programas.

Dou como exemplo e sei que muitos podem discordar, mas na minha opinião, as telenovelas brasileiras são produtos que fazem parte desta lista nociva à juventude pois nada mais são que uma forma sútil, perigosa e de má influência, já que estão ausentes de qualquer conteúdo inteligente na formação de opinião e de caráter nas pessoas de um modo geral.
Travestidas de "teledramaturgia" são peças de folhetins cotidiano que trazem a tona valores como traição, dissimulação, preconceito, mau caratismo,desonestidade drama exacerbado e outros componentes que falseiam a realidade e excedem a proposta de servir apenas como entretenimento.

Bem, isto é apenas um apanhado geral de minha idéia.

Podemos incluir ai, programas como igrejas evangélicas, blockbusters americanos, canais de venda por televisão e por ai vai.....

cida diz:

Eu não deixo meus filhos assistam a um programa como este, no entanto é quase impossível não saber o que acontece l´q quando muitos dos amigos dos meu filhos assistem e não deixam de comentar. A pergunta que se faz é porque algo tão sem conteúdo atrai tanto público, não só aqui no Brasil mas em todos os países que é exibido?

Denunciar comentário abusivo

florenciosantos diz:

O Big Brother esta chegando e a cada ano aparecem novidades. As novidades ao invés de culturais ou educacionais incentivam cada vez mais a promiscuidade. Pergunto. Vocês deixarão seus filhos assistirem?

Denunciar comentário abusivo

cida diz:

Acho que nem tanto ao céu, nem tanto ao mar. No Brasil os meios de comunicação usam qualquer lixo para ganhar audiência. Evidentemente que os pais podem proibir os filhos de assisterem, mas não seriam melhor ainda que existisse um orgão formado por pais juntos com as autorizadades fazendo um filtro na programação na TV para crianças? O problema é que no Brasil não temos meio termo, é tudo ou nada, talvez seja a hora de nós pais dentro da sociedade começarmos a tomar nosso lugar nas decisões do que é melhor para nossos filhos.

Denunciar comentário abusivo

ailison diz:

Totalmente errado. Para deixar seus filhos fora da baixaria da TV a melhor coisa não é deixar de passar a programação feita para adultos e sim proibir que eles assistam. Quando seus filhos assistirem e perguntarem qual o significado de uma palavra que acabou de ser dita na TV porque ele não conhece é concerteza esta a melhor hora e a melhor maneira que você tem de educa-lo que seria falando o significado e dizendo que não deve ser dito por ser feia etc. Quanto mais vocês esconderem mais seus filhos vão aprender pelas suas costas e vão aprontar sem você nem se quer saber o tipo de personalidade que seu filho esta formando. Quanto a formar um orgão isto no começo vai estar cheio de religiosos malucos que irão tentar voltar a TV para os anos 30 e logo mais todos que vão estar sentados analisando serão os corruptos recebendo propina para liberar uma nova propaganda ou programa, sem contar que a confiabilidade e velocidade da informação estariam totalmente comprometidos.

Denunciar comentário abusivo